Museu Marítimo de Ílhavo
HOMENS E NAVIOS DO BACALHAU

Arquivo digital que documenta as campanhas bacalhoeiras desde o início do século XX

Biblioteca e Arquivo

   

A Biblioteca e o Arquivo do Museu Marítimo têm a sua génese na própria fundação do Museu.
 
Treze anos antes da inauguração do Museu em 1937, germina a ideia de um museu “recheado de preciosos livros dos homens de génio da nossa terra” (palavras do poeta ilhavense David Rocha). Ainda nesse ano, a Comissão Organizadora do Museu inicia o registo, na imprensa local, de todas as publicações oferecidas ao “Arquivo bibliográfico”, servindo como incentivo para possíveis doações que viessem enriquecer o futuro museu.
 
Em 1933, o diligente organizador do museu, António Gomes da Rocha Madahil, propõe “como sendo de primacial importância para todo o estudo e reconstituição que desejamos fazer da região, a sala que chamarei de Arquivo”. Ainda no seu plano organizativo ressalvava como “complemento indispensável, uma sala de Biblioteca regional”.
 
O acervo, tanto bibliográfico, como arquivístico, cresce assim de forma natural no seio do Museu, acompanhando o percurso vocacional da unidade museológica e espelhando a própria evolução do Museu. Assim, a par da sólida coleção marítima, também se encontram obras de grande relevo para a história local e regional (nomeadamente nos espólios especiais de Rocha Madahil e Américo Teles).
 
Hoje, assume-se como Biblioteca Especializada de Temática Marítima, possuindo um vasto e riquíssimo acervo sobre o património, a cultura e história do mar, sobretudo sobre temas relacionados com o mar e a pesca, em especial a do bacalhau.
 
Alimentado inicialmente através de doações dos Amigos do Museu e de particulares, o acervo é desenvolvido mediante aquisições, permutas e ofertas, tendo por preocupação o acompanhamento da produção literária e científica nos domínios marítimos de forma a potenciar a investigação e a cultura do mar.
 
A Biblioteca está aberta ao público em geral. Dada a especificidade da sua vocação dirige-se principalmente a investigadores e estudantes.
 
 

Catálogos


Biblioteca
O catálogo da Biblioteca do MMI encontra-se disponível online. Para aceder, clique aqui e no canto lateral direito, em “Localizações”, selecione “MMI”.

 
Arquivo
O catálogo dos arquivos de temática marítima encontra-se disponível online. Para aceder, clique aqui, ou aceda através do site do Centro de Documentação de Ílhavo.
 
 

Acervo

 
 
Biblioteca
 
O acervo bibliográfico abrange diversas temáticas como Arqueologia, Antropologia, Etnografia Cultura, História e Património Marítimo, mas também Museologia e Cerâmica. As áreas temáticas contempladas refletem a própria coleção museológica do MMI: pesca, fainas agromarítimas da Ria de Aveiro, património local e regional, tal como, os vidros e porcelanas da Vista Alegre...
 
A coleção é constituída principalmente por monografias (cerca de 8000), publicações periódicas (salientam-se o “Jornal do Pescador” e numerosos outros títulos de publicações marítimas nacionais e internacionais) e também material audiovisual (DVD’s de documentários, filmes, CD-ROM’S…).
 
Para além de um fundo geral em acesso livre, a Biblioteca do MMI possui alguns fundos especiais:
 
• Fundo especial Rocha Madahil (constituído pelo espólio do “organizador” do Museu)
• Fundo especial Américo Teles (constituído pelo espólio do “fundador” do Museu)
• Fundo especial Octávio Lixa Filgueiras. Este último fundo é seguramente dos mais abrangentes e mais densos sobre património naval em geral e mais particularmente sobre embarcações tradicionais.
 

Arquivo


Dos vários arquivos que o Museu Marítimo de Ílhavo alberga, uma parte considerável são de empresas, associações de industriais e organismos do Estado. Destacam-se, nomeadamente:

• Associação dos Armadores da Pesca Longínqua (ADAPLA)
• Comissão Reguladora do Comércio do Bacalhau (CRCB)
• Brites, Vaz & Irmãos, Lda
• Estaleiros Mónica
• Grémio dos Armadores dos Navios de Pesca de Bacalhau
• Indústria Aveirense de Pesca
• Parceria Geral de Pescarias
• Porto de Aveiro
• Diários de bordo
• Estaleiros Navais de Viana do Castelo
• Testa e Cunhas

Estes acervos constituem-se como uma fonte de informação riquíssima que documentam a história da pesca do bacalhau, mas não só, na medida em que reconstituem a continuidade da nossa aventura nos mares.


Serviços 


a. Consulta local
b. Empréstimo domiciliário
c. Rede Wi-Fi (gratuita)
d. Computador
e. Serviço de reprografia (consultar tabela preços)
f. Serviço de referência (apoio especializado na definição de estratégias de pesquisa e na consulta do catálogo online)
g. Catálogo em linha (OPAC)


Localização, Horário e Contactos

CIEMAR (Centro de Investigação e Empreendedorismo do Mar)
Travessa Alexandre da Conceição
3830-196 Ílhavo
GPS - N 40.36'15'' O 8.40'02''.


Horário

segunda a sexta-feira 9h00~17h00


Contactos
Tel.: (+351) 234 092 496
E-mail: ciemar.doc@cm-ilhavo.pt